Quereremos ser um Benfica poluto ou impoluto?

Nenhum clube é corrupto na génese, porque as instituições, por si só, não são criminosas, são apenas… instituições… No entanto, se os clubes são apenas instituições, não são nada sem os seus adeptos. Os adeptos são quem faz a cultura de um clube, e, por isso, se um clube for alguma coisa mais que uma instituição será então os seus adeptos. Outro ponto relevante é que nenhum clube está livre de ter que lidar com dirigentes criminosos, porque muitas vezes é o próprio poder que faz aparecer o crime. Ora, tendo em conta o supra-referido, o que pode tornar um clube corrupto é a forma como os seus adeptos lidam com essa mesma corrupção. Se a resposta for o combate, o clube é um clube idóneo. Se a resposta for a defesa e a normalização, o clube não o é. O nosso maior rival, o FC Porto não é um “clube corrupto” porque os dirigentes são corruptos. O que faz do FC Porto um clube corrupto é o facto dos seus adeptos não se importarem com isso e venerare figuras como Pinto da Costa ou Fernando Madureira, branqueando completamente tudo o que eles fazem e fizeram.

Sou da opinião que tudo o que saiu dos emails não fez qualquer moça na instituição Benfica. As coisas mais mainstream não passavam de barulho e lama feitos por rivais, coisas sem grande lógica como os vouchers, e se coisas graves houve, o Benfica foi mais vítima que réu (o Benfica pagava casamentos e afins, lembram-se?). Mais recentemente, explodiu o Lex. Apesar de muito grave, se criminosos houve no Benfica, foram os seus dirigentes. Neste caso, mais uma vez, o Benfica é a vítima, que iria servir para pagar favores pessoais do presidente, não o réu.

Mas foi hoje capa d’A Bola uma possível constituição de arguido da SAD do Benfica, bem como de Luís Filipe Vieira, na designada Operação Saco Azul. Isto, infelizmente, é um dado novo, pois desta vez o Benfica já é o réu. Claro que o Benfica é o réu apenas devido aos atos dos seus dirigentes, mas desta vez parece de facto haver substância, do pouco que fui sabendo. É evidente que ainda é cedo para tirar conclusões, mas se realmente se confirmar que há susbtância nesta acusação, o Benfica e os seus adeptos e sócios vão-se ver a braços com um dos mais importantes desafios da centenária história do clube. Se, em nome dos valores diferentes que nós Benfiquistas sempre apregoámos, entrarmos numa guerra interna com vista a expulsar os criminosos, então o Benfica será um exemplo de integridade. Se, ao invés, optarmos por normalizar e não agir, então não seremos diferentes coisa nenhuma. Seremos o sistema, seremos um clube sujo. Seremos tudo aquilo que criticamos e condenamos no vizinho.

Realço o que escrevi acima: com os dados que temos, não é possível ter uma opinião sólida, de todo. No entanto, fica a reflexão. Se aparecer alguma coisa grave, somos nós, Benfiquistas, quem terá o poder de dizer se o Benfica é diferente ou lixo como outros. Estejamos atentos.

6 thoughts on “Quereremos ser um Benfica poluto ou impoluto?

  1. Vivemos numa sociedade global e ser do Benfica ou dragarto depende de factores que não se prendem com os valores acima mencionados, como tal e fazendo fé no que vou lendo e ouvindo, tenho infelizmente quase a certeza que a maioria dos adeptos do Benfica “quer é ganhar!” seja à pinto da costa ou lá como fôr!
    E se alguém tem todas as condições para isso é um pato-bravo que privou bastante com a personagem.
    E os que “querem é ganhar!”, traumatizados por anos de hegemonia azulada e traumatizados pelas dificuldades da vida, estão-se c@g@ndo para a a forma como se esgalham campeonatos!
    E, porque a parada subiu muito, até a Europa nem interessa muito porque não dá para dar “nas trombas” dos dragartos no café ou no trabalho.
    Todas as fichas intramuros, compre-se quem se tiver de comprar, aperte-se quem se tiver de apertar!
    E o boss percebe do negócio e tem as costas quentes de alguns da mesma laia embora usem gravata!

    Gostar

  2. mas estes esquemas são típicos de quem se acha que o clube é sua propriedade e que se pode servir dele como se fosse uma qualquer empresa sua.

    mas a pergunta se as facturas são falsas, ou sobre-facturado, onde esta o dinheiro.
    e mesmo que estiver num cofre do clube para que razão e que existe necessidade de ter dinheiro vivo e sem ninguém o controlar.

    ontem já era tarde para ele sair é que vamos ver é se no final não vamos descobrir que o vale comparado com este era apenas um menino de coro.

    Gostar

  3. Só agora é que se apercebeu das “tramoias” de LFV?! O campeonato dos Tuneis nunca lhe levantou nenhuma suspeita? As escutas de LVF no âmbito do Apito Dourado também lhe passaram ao lado? Ou deu-lhe jeito que assim fosse, para sustentar aquela tese típica (saloio/arrogante) dos adeptos benfiquistas de que o SLB é um clube imaculado, cujo sucesso resulta apenas do mérito desportivo (resta saber qual?), e não de práticas duvidosas, apenas imputáveis ao clube rival (claramente mais reconhecido pelos sucessos internacionais), em relação ao qual mantém um “ódio de estimação”?! Mais vale tarde que nunca!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s