Naming nas modalidades: Uma ferramenta para subir o nível

O que têm FC Barcelona/Lassa e Club Inter Movistar FS em comum? Além de serem as melhores equipas de futsal da actualidade (muito embora existam o Sporting, o Kairat Almaty ou até o El Pozo Murcia ou nós próprios), são duas equipas que cederam o próprio naming aos patrocinadores principais e retiram daí dividendos muito … Continue reading Naming nas modalidades: Uma ferramenta para subir o nível

Anúncios

Ecletismo sem sentido

O Benfica tem parcerias em alguns desportos que pouco ou nenhum sentido fazem. Nalgumas modalidades, por exemplo no Padel, o SL Benfica nem sequer é membro da respectiva federação. É certo que somos um clube eclético e com uma responsabilidade social diferente, mas nem assim essas parcerias ganham sentido. O caso mais ridículo é o … Continue reading Ecletismo sem sentido

No Benfica também se devia andar de bicicleta

Sou um entusiasta por ciclismo. Posto isto, é enorme tristeza que escrevo sobre o facto de, hoje em dia, não se praticar a modalidade com o símbolo do Benfica ao peito. Historicamente, o Benfica tem uma grande ligação ao ciclismo. Tudo começou em 1906, era fundado o Grupo Sport Benfica. Este clube desportivo era eclético, … Continue reading No Benfica também se devia andar de bicicleta

Se eu fosse Luís Bernardo…

Se eu estivesse na posição de Luís Bernardo, muita coisa seria diferente. Pode parecer algo que podia ser dito por qualquer adepto tasqueiro, na onda do "a minha avó não falhava aquilo", mas a verdade é que estou convicto que qualquer adepto Benfiquista, que sofra com o Sport Lisboa e Benfica, faria um trabalho melhor … Continue reading Se eu fosse Luís Bernardo…

Está na hora de repor justiça na história

Aproveitando o mote de ontem, e já que falei no Senhor Voleibol, acho que já era altura de se discutir a reposição da justiça na história das modalidades do Benfica. Eu passo a explicar: se a figura maior do Basquetebol Benfiquista e do português merece ser eternizada no teto do pavilhão do Benfica, não merece … Continue reading Está na hora de repor justiça na história

Uma secção que devia servir de exemplo

No meio do caos que são as modalidades do Benfica, felizmente, há uma excepção. Falo, pois claro, da secção de voleibol. A equipa de voleibol foi treinada durante muitos anos por um senhor chamado José Jardim. Doente pelo Benfica como poucos, depois do fracasso do ano passado, soube reconhecer (ou pelo menos parece) que a … Continue reading Uma secção que devia servir de exemplo

O que fazer com a Europa?

Segue-se o Eintracht Frankfurt. É um adversário bastante complicado, que tem a curiosidade de partilhar connosco a águia como símbolo do clube (curiosamente, também o Frankfurt tem a sua própria mascote viva, uma águia-real chamada Attila. Pessoalmente, eu diria que, em termos de dificuldade, não deve nada ao Arsenal, que era bem mais temido por … Continue reading O que fazer com a Europa?