Futsal: mais um melão

Ontem foi dia de melão. Passada uma noite, mais a frio, algumas notas sobre a eliminação no futsal.

1. Muitos parabéns aos idiotas que decidiram não organizar esta fase da competição. Pois, dá trabalho. Resultado: fomos obrigados a jogar o jogo decisivo no pavilhão do maior rival contra o maior rival. É que, provavelmente, nem a questão financeira se aplica, pois, ao preço que estavam os bilhetes, eu diria que a receita deve ter amortecido grande parte da despesa.

2. Quem lê o que escrevo sabe que sou um dos que defendeu a permanência do Joel. E ainda defendo. A verdade é que, nos jogos grandes, o Benfica do Joel raramente é pior, e já tivemos vários exemplos esta época (Sporting 2x, ontem incluído, Barcelona). Porém, ontem, o seu conservadorismo voltou a custar-nos caro. Avançar o Roncaglio para a construção é útil, mas não é jogar em 5×4 declaradamente, porque, por muito bom que seja o Roncaglio, não é obrigação dele saber ser jogador de campo de topo. Já não é a primeira nem a segunda vez que o Benfica precisa de pressionar o adversário e o Joel não opta ou opta tardiamente pelo 5×4. Contra equipa mais acessíveis, ainda vai dando (lembro-me do jogo contra o Viseu). Nos jogos mais a sério, deu no que deu. Como se não bastasse, o Joel ainda cometeu o erro de jogar em 5×4 com Tolrà em campo.

3. Ainda assim, como disse, acho que fomos melhores, o que torna ainda maior a frustração. Faltou sorte e eficácia, mas não merecíamos ser eliminados.

4. Tenho muita estima pelo Cristiano, mas ele não é especialista de coisa nenhuma. Se o Roncaglio não é bom a defender penalties e livres directos, que se arranje um número 2 que o seja, porque, claramente, não é o caso do Cristiano.

Resumidamente, perdemos nos pormenores. O facto de jogar em casa foi vantajoso para o Sporting. O facto do Sporting jogar sempre depois de nós permitiu-lhes jogar para o empate, que foi no que deu o jogo. O Joel falhou em vários momentos. A arbitragem, não sendo tendenciosa, acabou por ter influência directa no resultado. Tudo pequenas coisinhas que, juntas, deram grande vantagem ao Sporting e nos fez perder.

Acredito nesta equipa e acredito no Joel, mas chega de desculpas. Este ano, é para limpar tudo internamente, pois, apesar de não ser possível afirmar qual dos planteis é melhor, mesmo com a diferença de orçamento, é o Benfica quem tem praticado melhor futsal. No final da época? Bem, é um bocado cedo para dizê-lo, mas se calhar, é outro ciclo que se devia fechar.

PS: Acho que já era hora de mudar este formato de competição. Em primeiro lugar porque é ridículo que se decida quase tudo até Novembro e os jogos mais importantes aconteçam só qause meio ano depois. Em segundo lugar porque decidir o que quer que seja numa fase tão adiantada da competição por critérios como a diferença de golos ou o número de faltas não faz sentido nenhum. Por último, dar-se uma vantagem caseira tão grande a uma das equipas em detrimento das restantes três em cada um dos grupos, descredibiliza e desvirtua a competição.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s